A menina da terra de Israel



A Bíblia não diz qual era o seu nome, nem sua idade e muito menos o nome dos seus pais. Foi sequestrada de sua família e transformada numa serviçal. Levada como escrava para a Síria, país que vivia em constante conflito com Israel.

A pequena jovem não poderia imaginar que naquela situação, iria desempenhar um papel crucial na vida de um dos homens mais importante daquele país.

Ela levava a mensagem de esperança que iria mudar a vida daquele poderoso general. Mas como ter esperança em uma situação difícil? A menina escrava apresentada nos versos 2 e 3 de 2 Reis, nos ensina que independente das circunstância, precisamos guardar sempre a nossa fé. Saber que as situações difíceis da vida não deve de forma alguma nos afastar do nosso bem maior, Deus!

Essa história poderia passar despercebida, porém o Senhor permitiu que ficasse registrada como exemplo. Não importa qual posição você venha ter na vida, seja ela a mais importante ou a mais inferior, Deus nos coloca em determinado lugar para que possamos alcançar pessoas para o seu reino.

Aquela menina sabia da situação angustiante que vivia Naamã. Um general de guerra que o rei da Síria estimava muito, porém, encontrava-se acometido de uma terrível enfermidade, a lepra. Naquela época era a doença mais temida por todos, pois além de deixar a pessoa doente fisicamente, afetava de forma avassaladora sua autoestima.

 Fico imaginando que por muitas vezes a pequena jovem observou o estado de pavor que Naamã se encontrava. Talvez em determinado momento, sozinho, ficava a pensar como poderia viver os restos de seus dias vendo a doença tomar conta de seu corpo. Chegaria o momento que restaria apenas ele e a solidão.

A lepra representa o pecado que destrói a vida do homem e da mulher. Afasta o ser humano de Deus e o leva ao inferno. É contagioso e letal, causando a ruína total na vida das pessoas. Diante daquela situação a jovem não se conteve, precisava falar sobre o Deus de Israel para aquele homem. Ela poderia ter ficado calada, vendo a lepra destruir a vida dele. Poderia até guardar rancor e mágoa por ter sido tirada de Israel e levada como escrava, mas em vez de se calar, ela decidiu indicar o caminho.

Os cristãos precisam o quanto antes ouvir o clamor dos que estão à beira da morte. Quantas pessoas estão ao nosso lado e nos falta coragem para falar de Jesus. Muitos lares estão sendo destruídos, muitos se drogando, se prostituindo e pensando até mesmo em tirar sua própria vida. O cristão verdadeiro não suporta ver o sofrimento do próximo. Ele não se detém, ele fala de Jesus.

“E disse a sua senhora: tomara que o meu senhor estivesse diante do profeta que está em Samaria; ele o restauraria da sua lepra. Então, entrou Naamã e o notificou a seu senhor dizendo, assim e assim falou a menina que é da terra de Israel” 2  Reis 5.3

Naamã só precisou ouvir aquelas palavras. Ele agora tinha esperança de solucionar o seu problema. Ele foi buscar ajuda no Deus de Israel. Muitas pessoas estão esperando por uma iniciativa minha e sua. Uma palavra de esperança, uma única palavra, JESUS! Meu caro leitor, se você é cristão não deixe de falar de Jesus, existe alguém que está precisando muito ouvir a mensagem do Evangelho. O pecado assim como a lepra está matando e destruindo muitas vidas. Não devemos negligenciar a ordem do mestre.

Que lição de vida essa menina escrava nos ensina. Que possamos seguir seu exemplo e falar de Jesus em qualquer lugar, para qualquer pessoa e em qualquer circunstancia. 





Nenhum comentário:

Postar um comentário

-- OBRIGADA PELA VISITA, DEIXE SEU COMENTÁRIO.
-- SE FOR REBLOGAR DÊ OS DEVIDOS CRÉDITOS.
-- SE GOSTOU DO BLOG SIGA-O (É SÓ ENTRAR COM A CONTA DO GMAIL)
-- SIGA O BLOG TAMBÉM NO TWITTER E NA FANPAGE.
-- AJUDE A DIVULGAR A MENSAGEM DO EVANGELHO.

UM ABRAÇO FIQUEM COM DEUS;